Novo

Alcon Labcon Bacter 10caps- Bactericida P/ Peixes Cavernapet

22 reais

em 4x 5 reais con 50 centavos sem juros

Chegará hoje com Mercado Envios  

Somente para SP capital e regiões da Grande SP e Rio de Janeiro

Comprando dentro das próximas 3 h 55 min

Chegará amanhã com Mercado Envios

Benefício Mercado Pontos

Retire a partir de amanhã em uma agência Mercado Livre

Comprando antes das 23hs.

Ver no mapa

Estoque disponível

Garantia

Garantia da loja

Garantia de fábrica: 3 meses

Meios de pagamento

Boleto parcelado em até 12x

Mercado Crédito

Cartões de crédito

Mastercard
Hipercard
Elo
Visa

Cartões de débito

Mastercard Débito
Elo Debito
Visa Débito

Pix

Pix

Boleto bancário

Boleto

Características principais

MarcaALCON LABCON

Outros

  • É kit: Não

Descrição

Medicamento bactericida

Indicações:
Labcon Bacter é composto de Sulfato de Neomicina, um agente antimicrobiano aminoglicosídico de largo espectro, com ação sobre bactérias gram-negativas. As bactérias de ocorrência nas doenças infecciosas dos peixes ornamentais pertencem, em grande parte, ao grupo gram-negativo. A sintomatologia destas bacterioses é muito variada e muitas vezes os peixes apresentam sintomas comuns causados por diferentes bactérias, além de outros agentes etiológicos como fungos e parasitas. Em muitos casos estas doenças apresentam-se em estado septicêmico (infecção generalizada), com as bactérias presentes em vários órgãos.

Alguns sintomas associados às bacterioses: Nadadeiras roídas; Ascite (hisia abdominal); Escamas eriçadas; Hemorragia no tegumento e base das nadadeiras; Ramificações vermelhas nas nadadeiras; Ventre retraído; Exoftalmia (olhos saltados); Úlceras (feridas) e abscessos (bolhas) na superfície do corpo; Perda de escamas; Deformação da coluna vertebral; Coloração escurecida; Letargia; Nado irregular; Respiração ofegante.


Algumas bacterioses e seus principais agentes etiológicos:

Doença da coluna ou Doença da sela: agente etiológico - Flexibacter columnaris e Flexibacter maritimus

Podridão bacteriana das nadadeiras: agentes etiológicos - Pseudomonas fluorescens, Aeromonas hyhila, Cytophaga psychrophila

Doença branquial bacteriana: agente etiológico - Flavobacterium branchiophila

Eritrodermatite (Furunculose) dos Ciprinídeos: agente etiológico - Aeromonas salmonicida

Septicemias bacterianas: agente etiológico - Aeromonas hyhilaPseudomonas spp e Edwardsiela tarda

Enteropatia da boca vermelha: agente etiológico - Yersinia ruckeri
Forma de uso

Dissolva o conteúdo da(s) cápsula(s) na água do aquário.
Para melhor diluição, dissolva previamente o conteúdo da(s) cápsula(s) em um copo com água, aplicando a seguir a solução no aquário a ser tratado. Não armazene solução para aplicações posteriores. A aplicação deve ser imediata após a preparação.

Descarte as cápsulas vazias.

Trate os peixes preferencialmente em aquário hospital, para não haver ação do medicamento sobre as bactérias do filtro biológico.

Durante as primeiras 8 horas após a aplicação, suspenda a filtragem, sem desligar o oxigenador. Em geral os sistemas de filtragem funcionam associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem.


Dosagem: Aplique o produto na proporção de 1 cápsulas para cada 12,5 L de água.

Repita as aplicações a cada 24 horas durante 5 dias, preferencialmente após rápida sifonagem de fundo e troca parcial de água.

Caso seja necessário novo tratamento, garanta um intervalo mínimo de 15 dias entre os tratamentos.

Após 7 dias da abertura do sachê, as cápsulas não utilizadas devem ser descartadas.